O Google tem o compromisso de promover a igualdade racial para as comunidades negras. Saiba como.

Zillow cria novo código com os componentes de arquitetura do Android

A Zillow é uma das principais redes imobiliárias on-line, oferecendo aos clientes listagens, dados e calculadoras para ajudá-los na compra, aluguel ou venda de um imóvel residencial. O site também conecta usuários a agentes locais, instituições de crédito imobiliário e projetistas de residências.

Lançada em 2006 e sediada em Seattle, a Zillow mantém um banco de dados de mais de 110 milhões de residências nos EUA. Ela também opera um conjunto de mais de vinte apps de imóveis para dispositivos móveis. Quando a Zillow iniciou uma grande reformulação do código do app para dispositivos móveis Android em julho de 2017, ela queria simplificar a vida dos desenvolvedores, tornando o código mais legível e mais fácil para os novos membros da equipe entenderem.

O que eles fizeram

A Zillow reformulou o código usando os componentes de arquitetura do Android. “Estávamos investigando diferentes tipos de arquitetura”, diz Aayush Raj, engenheiro de software da Zillow. “Os componentes de arquitetura tinham a vantagem adicional do reconhecimento do ciclo de vida, o que tornava o código muito mais fácil de gerenciar”.

O ViewModel permite que os dados sobrevivam a alterações de configuração (como rotações de tela), enquanto o LiveData é uma classe armazenadora de dados observáveis. Ambos foram usados pela Zillow e, juntos, forneceram um modelo poderoso para implementar o Model-View-ViewModel (MVVM). “Isso ajudou a viabilizar a realização de mais testes no código”, diz Raj. A biblioteca de persistência Room também facilitou a criação de uma camada de cache local para que o app não precisasse extrair dados da rede com tanta frequência, “melhorando o desempenho e a experiência do usuário”.

Resultados

A mudança de muitos códigos para atualizações de dados de atividades para os ViewModels "definitivamente ajudou" a tornar toda a base do código mais legível, acrescenta Raj. Eles ainda não converteram o app inteiro para o ViewModel, mas os componentes que estão usando o ViewModel não tiveram bugs relacionados ao ciclo de vida. A comunicação de atualizações de dados para atividades e fragmentos também funciona muito bem.

“Os desenvolvedores são muito mais produtivos usando os componentes de arquitetura do Android”, diz Sumiran Pradhan, engenheiro sênior de desenvolvimento de software da Zillow. Os componentes de arquitetura fornecem orientação quando se inicia do zero, mas também são úteis para a base do código existente. “Depois que os novos desenvolvedores entendem a lógica do ViewModel, eles adoram”, acrescenta Pradhan.

Primeiros passos

Os componentes de arquitetura do Android estão abertos a todos os desenvolvedores como parte do Android Jetpack. Comece a usar os componentes de arquitetura do Android.