Participe de uma série de webinars gratuitos para ajudar você a expandir seus negócios no Google Play. Inscreva-se hoje mesmo

Use as faixas de teste para receber feedback antecipado dos usuários

  • Iniciar
  • Teste

Use o Google Play Console para liberar versões iniciais do seu app para testes internos ou com usuários confiáveis em testes fechados e abertos. Dessa forma, você receberá feedback para fazer melhorias antes do lançamento completo.

Por que isso funciona

Testar o app na sua organização ou com os usuários dá a você a oportunidade de corrigir problemas técnicos ou de experiência do usuário antes do lançamento oficial. Com o teste, você garante que a melhor versão do app seja lançada para o público geral. Os comentários dos usuários de teste não afetam a classificação pública do app.

Práticas recomendadas

  • Verifique se os usuários podem participar dos testes. Os testadores precisam ter uma Conta do Google (@gmail.com) ou uma conta do G Suite para participar de um teste.
  • Faça testes internos. Use a faixa de teste interno para enviar seu app a até 100 testadores internos em segundos. Faça um teste interno antes de liberar seu app para as faixas fechada ou aberta. Se necessário, é possível fazer testes internos ao mesmo tempo que testes fechados e abertos para versões diferentes do seu app.
  • Escolha o tipo de teste externo apropriado. Os grupos de teste fechados precisam ser pequenos e testar versões experimentais menos estáveis do app. Use o teste aberto com um grupo maior para testar versões estáveis perto do lançamento.
  • Execute testes fechados para receber comentário segmentado do usuário. Se você quiser fazer um teste com um grupo menor ou conhecer os usuários que querem testar seu app, faça um teste fechado usando endereços de e-mail individuais, Comunidades do Google+ ou Grupos do Google.
  • Dimensione seus testes. Qualquer usuário com um link pode participar de testes abertos com apenas um clique. Essa é uma maneira dimensionar o número de usuários que você alcança. Também é possível escolher um limite máximo para o número de usuários que podem participar.
  • Verifique o número do Android App Bundle. Para disponibilizar aos usuários um app nas faixas de teste interno, fechada ou aberta, ele precisa ter um código de versão mais alto que a versão de produção.
  • Forneça um canal para os testadores enviarem comentários. Em testes fechados, ofereça a opção de enviar comentário por e-mail, por meio de um site, em um fórum de mensagens ou por outro mecanismo adequado.
  • Verifique se o app está pronto para ficar visível na Play Store antes de fazer um teste aberto. Os usuários se inscrevem em testes abertos a partir dos Detalhes do app na Play Store. Contudo, qualquer pessoa poderá encontrar seu app se, por exemplo, ele aparecer nos resultados da pesquisa do Google Play. Portanto, a apresentação dos Detalhes do app deve estar o mais completa e finalizada possível.
  • Planeje cuidadosamente as alterações na página Preço e distribuição do app. As alterações feitas aqui afetarão as versões de produção atuais e futuras do app, além dos testes fechados e abertos.
  • Execute testes simultâneos no mesmo app. Você pode fazer um teste interno, vários testes fechados e um teste aberto no app ao mesmo tempo. Lembre-se das regras de código de versão ao usar faixas diferentes.
  • Use o relatório de pré-lançamento para detectar problemas. Ative o relatório de pré-lançamento para ver os problemas encontrados na faixas de teste padrão fechada e aberta durante o uso em dispositivos reais com o Firebase Test Lab.

Exemplos